quarta-feira, 6 de maio de 2015

Por que não colocar...”O Preto “nos Brancos”

Por que não colocar...”O Preto “nos Brancos”

Deixa-me fazer
Esta leitura labial dos acontecimentos
Deixa-me pensar por um só momento
E puder arguir
Por que falaram tanto mal de nós
E esqueceram-se de si
Dançando o mesmo Tango
Nos passos da mesma Valsa
Nas notas do mesmo Fado
E no mesmo rítimo do Samba de uma nota só
Mas eu não queria transformar
Incoerências... Em versos
Que tomara Deus! Não se recite assim...
Estamos  no mesmo Mar
E doido no espaço brilha o Luar
Companheiro de tantas Noites... E “Céus de Brigadeiros”
Enquanto na Terra litigam... Estranhas Borboletas
Como sempre
Meu Deus! Deus meu!
Mas que Nuvem é esta?
Que de repente do nada ressuscita
Como se nada tivesse a perder
E sem temer a posição supina
Contesta
Contesta tanto!
Que assumiram a condição de Vândalos
No contexto geral dos votos Negros
Nem no somatório boçal dos votos Brancos
Nulos não! Seriam válidos
Sem que votos Marrons seguissem os mesmos
Independente do ranço do Racismo
Digamos!
Para minimizar o Paraíso
Ou digamos quê...  Para que se evite o continuísmo
Que possa ferir
Todos os preceitos Democráticos
Que a sistemática criou... O Governo do povo, para o povo;
Como aliás continua sendo
Nos Países Desenvolvidos
Nos Subdesenvolvidos não!
Tão pouco nos Países em Desenvolvimento
Daí! Eu ter que esperar
Entre Fatos e Fotos
Daí! Eu não puder me pronunciar quando não posso
Se é que ainda aqui vivemos o retrocesso
E se ainda qui não sei dizer
O qual seria... Verdadeiro, ou Falso
E qual será o resultado impróprio
Desse nosso Processo Democrático... E imagine-se aí
Quando estamos no mesmo Mar
E no Sol que brilha no Pré Sal
Envolvidos com tantas “Piruetas”
E só nos resta esperar
Os votos vindos dos votos
De Corruptos, e Corruptores
Contabilizados agora... Em delações premiadas
E eles serão
Considerados, ou não
Como fatores eleitorais de decisão... De um Impeachment
E parece-me...
Que para mancar Moral...
A turba aqui quer reviver... Watergate
Para cada vez mais parecer
 A Fotocópia dos United States
E demonstrar de vez... As diferenças tênues das Elites
Em comparação com as demais Classes,
Principalmente a Pobre
E a Força transparente dos Poderes
Inclusive!
O sub estabelecimento por Lei
Dos Poderes considerados Paralelos.
É mais, ou menos, por aí... O Princípio da Plena Quietude
Quando tudo for colocado debaixo dos Tapetes
Quem seja eu para supor que possa ser... Manobras. E nas Manobras se colher “LUDUM”; este estado de ânimo que eles mal empregam, para gozar de Etinias outras... Que por Milênios lutam pela cor Marrom; digamos... Que teriam ao menos a Pele mais clara e por isto fossem... Algo mais comum. Não precisariam ter a mesma cor de Hilary que é Clara! Nem os Olhos Azuis próprios dos Clintons... Claro que seria demais. Mas não voto! Não seria motivo de protestos, nem o Vandalismo pela cor; e aí explodir pela mágoa  e se unir ao Furor... Não! Não é assim.
     Não é assim que se enfrenta a “LÂMINA”... Pois a Hilary tem credenciais de sobra... E o Mundo precisa dessa Americana agora... E agindo assim... Uma minoria comemora... E a Estratégia aclama... Continuarei independente dos acontecimentos... O que muito lamento... Quando não era a minha intenção divulgar... Mas está quase parecendo com o Brasil... Quando a problemática por aqui... “Não é a “Cor”... É muito mais... Ricos, e Pobres; Brancos, e Negros; e Etceterá... Um verdadeiro Angú... Mas olhem muito bem esta observação de um homem que escreve assim... Torto que nem Cachimbo na Boca de um Bêbado... O antipático Porre... Que denuncia a”Guerra” entre Negros, e Brancos... Para decidirem em quem votem... Em pleno Século XXI... Para definição de uma Democracia (gostei desta palavra)... Que venha manar... Da Ideologia do Ludum...  E o meu perfil estênico me ordena... Litiga! É birra que vem da Biga... Constar em Visão Geral... Na estatística do Blog HTTP:anônimosdapoesia. Blogspot. c... 1... Coisas que eu sei 3... Quando a única coisa que fiz foi excluir o que menos me importa; e supervalorizar realmente as coisas que sei... E neste exato Dia D... Após a Batalha campal nas cercanias de Paranaguá... Digamos; em Curitiba a Capital...Onde Cães da Raça PitBull... Viraram armas de táticas sistemáticas... O que pude ver; digo:ouvir... A condenação “Formol” de oportunistas... Não aqui...Aqui! Só vi as estatísticas de postagens públicas... Estados Unidos 2... China 1... Isto é birra... Digamos... Ludum... Estado de ânimo Afro... Segundo a Teoria Quântica dos Brancos... E o Negro não vota em Branco... E os Imigrantes matutando... E os naturalizados se escondendo... Nunca terão a oportunidade... Em nenhuma manifestação... Senão serão extraditados... Estou errado? Não! Não senhor... Estou correto... É que não sei viver de aparências... E nem pensar como a Antropologia pensa... Negro nunca será... Adepto da Megalomania... Vício nosso... Pois a Craniosinostose os azucrina... Daí! A Microcefalia dominante... E a diminuição dessas massas cinzentas... E a Oligofrenia vem como herança... Erros vossos... E criticando os erros... Lembro Luter King... Como posso lembrar... Obama... E estará errado quem pensar assim... Os Negros têm déficits de Inteligência... E mais imbecil seja aquele... Que venha arguir... É Bíblico!... E rasgue a sua Bíblia se pensar assim... Eles não são os descendentes de Caim... Nem nesse Inferno... Nem Céus... E a descendência Caímica está... No Branco que transformou o Negro, ou o Pobre... Seu Escravo... No Negro que mandou matar, ou que matou... Um Branco; ou outro Negro... Em nome de qualquer Poder... E eu gostaria muito de... Navegar também... Na Internet Explorer... E dividir “segredos”... Sem consignação... Pois... Navegar é preciso...  Mas não consigo encontrar... Os Caminhos dos “Parafusos”... As ‘Estradas” que me conduzam a estas “Ferramentas”... Nem os “Atalhos” que levem-me a singrar... E concluir unindo suponhamos...  Unix a Linux... Sem depender de exclusividades... Por não ser devoto dos... “Ovos”... Derivados do Verbo em Latim... Poer... E seguir meu Destino... Que nunca vi escrito nas Estrelas... Desta forma... Ponha-o aqui! E do jeito que eu quero quê...
Mas algo me diz
Que os Donos do Mundo desentenderam-se
Que os Falos caíram
Que os Fâneros eriçaram-se
Pelo medo
Pois seus Olhos conseguiram ver
A hipotética tese
Da Hipótese
Da Trombose da Artéria Peniana
E que não mas há
A exuberância da função erétil
Onde... A inflexibilidade era uma constância
Mas assumiram-se
Perante a realidade que avança, e convence-os
Ou a Ordenha dos Corpos Cavernosos
Ou o Priapismo tenaz que atordoa
Dói! E apavora
Mesmo que persista ainda a mesma ânsia
De Olhar para um
De devolver o mesmo olhar para o outro
Como perguntar
Qual a distância que nos separam dos ímpares
Desde que somos Pares... E de tantas Eras
Será Mentira
Ou será... Deveras
E devemos agora, pelo menos compartilhar
E não nos dividir
Como espera-se
Por essas banalidades cometidas nestes rodízios vans
De Ideologias, e Políticas
Da miscigenação desta Nacionalidades
Cujas Paternidades concedemos
Nestes Processos de Imigração desordenados
E a nossa grande imbecilidade de tentar excluir... A Cor da Pele
E eles que foram no passado... Escravos
Amanhã poderão ser... Nossos Senhores
Sem mais a dizer...
Meu abraço...



Dr. Ademar Raimundo de Barros. 

terça-feira, 5 de maio de 2015

Sim! Eles devem assumir

Sim! Eles devem assumir


O que impede impor... Rigores da maioridade ao menor... Se não vivenciamos mais... As antigas Civilizações Grego-Romanas... E de Esparta se vangloriar... Ou achar comum... O recrutamento militar... Das crianças das Ilhas Fiji... Não! Tudo perdeu a importância... E a Patrol levou... Não só a Esperança... Levou a inocência das Crianças... Bem antes da Mãe parir... Por que o Pai... Nem saberá quem foi... Ou muitos talvez... Tenham uma ideia mínima; De... Tanto faz, como tanto fez.
Mas houve quem houvesse, e postasse... A Imagem de adolescentes... Seguidas de dizeres assim... Você concorda que seja correto colocar... Esta jovem tão linda na Cadeia... Quando ela tem tanta vida pela frente pra viver... Da mesma forma que este Rapaz... Que nada faz... Que nada fez... A não ser seguir um consenso geral... Sejam revolucionários... Mas não disse de quem... Quando cabe a Sociedade recuperá-los... É só uma questão de Oportunidade... E só faltou dizer... Eles não votarão em mim... Mas poderão votar em qualquer um de vocês... Tai! O ponto Moral de toda história... Eles podem roubar... Eles podem extorquir... Eles podem sequestrar... Eles podem matar... Eles podem cometer qualquer crime... Mas nunca poderão ser presos para responder... Por qualquer Ato ilícito que cometam... Mas deverão votar... E se não votarem... Terão que se justificar... Senão não estarão exercendo suas Cidadanias... Senão poderão perder a Bolsa Escola... Que eles nem frequentam.
Mas quem assim pensou... Agora aguenta! Afrouxaram demais o Nó, e concederam Cordas... Para subir, ou descer... Depende de como se compreenda... Agora eles estão aí a exibir... Seus Gládios a Nobreza... Uma Facada aqui... Uma Paulada ali... Um Tiro acolá... Nunca agem só... E sempre em Grupos se concentram... Para cercar a vítima que escolher... Pois a incoerência tomou o conhecimento... De poder agir... Acintosamente... Descaradamente... E doa em quem doer... E o Direito é um passo a mais... Muito afeiçoado ao Poder... Provindo de qual partido... Do A? Do B? Do C? Do D! Inexistente não é! As frentes que enfrentam... E afrontam as Polícias... Que não têm nada a fazer... Bater meu Deus! Nunca! Prender significa mais dar uma volta... E ir a uma Delegacia já é demais... É crime! É violação ao Direito do Menor... Ou abuso de autoridade de quem o conduziu... E coitado do Delegado... Será acusado de Tortura se pelo menos ousar... Fazer qualquer pergunta... Por exemplo... Por que você matou... Isto é pressão Psicológica... E o Menor pode sair dali e ir protestar na Prefeitura... Depois de tacar fogo nas Escolas... Tirem a Diretora! Tirem a Diretora! Impeachment a Dilma! Morra o PT! Sem nem saber que a Diretora seja do QSTB... Ou do QBTS... Viva a Dita! Dura não! A mole... Esta nos segura... E vamos lá! Pra outros Arrastões da Vida... O que eu possa dizer... Nada! A não ser esperar como é que é... Que fica... Como é? Meu nobre e jovem, Presidente Tiririca... Ainda está valendo seu Refrão?Pior não fica! Podemos complementar... Melhor! Nunca ficará... A não ser que Deus venha conceder Férias Remuneradas com Bônus de Gratificação, e Décimo Quarto Salário adiantado, e outras Vantagens: aos Operários dos Ócios dos Infernos; por Três Anos consecutivos... Quando eles estarão... De novo... Novamente... E não obstantemente... Prontos para votarem... Não sei em quem... Mas isto pouco importa... Principalmente se continuarem na mesma situação... E os menores que forem surgindo... Ídem! Ídem! E eu nem posso dizer... Exceto os que entrarem na Maioridade... Pois tudo que é transitório... Um Dia é Livre... Como é livre o arbítrio... O primeiro conceito da Liberdade... Como é Livre ao Direito dizer... Vênia Meritíssimo! Vênia!Juro! Eles não sabem o que fazem... Para mim não! Deveu! Deve pagar... E a anistia dos Crimes... Está nas Mão de Cristo... Quando ele bem disse... Eu sou o Caminho, a Verdade, e a Vida... E ninguém chegará ao Pai a não ser por mim.. Ora! O que fazer? Se eles não cumprem nem os Mandamentos de Moisés... E a própria Humanidade dividida justamente... Em Cristo, e Maomé... O que não faz sentido.
Como não faz sentido se na base de... Morreu! Enterra-se! Não é nenhum a menos nem; nenhum a mais... Pois se perderam as Contas... E no meu Rosário de Lágrimas... Não chora-se a Viuvês... Nem a orfandade de ninguém... Nem por Defunto algum... Quem chorará por mim?Um Morto a mais... E sem saber quem o fez... Mas lá na Favela... Aonde a Comunidade sentirá minha falta... Luto, e Revolta em Ritual... Queimarão tudo... Derrubarão o que vier pela frente... Em Vigário Geral... No Complexo do Alemão... Nestas Bocas que mafur é Dom... E que as Pedras brilham no cachimbos... E que se possa bem cheirar... O Pólen da Polinização Artificial... Que faz a Flor dormir, e sonhar... O que será amanhã... Claro! Um novo Dia... Com um morto a menos... Ou com um morto a mais... Tanto faz... Que seja ele Menor.

Por Comentário: Não estou rezando no Código de Hamurabi, nem no Código de Moisés: mas convenhamos... Olho por Olho, e Dente por Dente... Não se parecem tanto com a Súmula... Honrai teu Pai, Tua Mãe, o que significa estender... Honrai também... Teu Filho, teu Irmão! O mundo moderno criou a Lei que ampara os Filhos dos Nem-Nem... E transferiu para os Avós as responsabilidades das Pensões, e os deveres de Avós Paternos, ou Maternos... E vos pergunto, sem que seja preciso matar ninguém... E se o Mundo Moderno pensar outra vez... Na impossibilidade virtual (pois a Real ainda é discutível); o que impede a Lei que ela diferencie-se em Súmulas... No impedimento do Menor... Que venha o Pai; que venha a Mãe; que venha o Irmão Maior; mesmo inocente... Pagar a Pena destes “Inocentes”, até que eles galgem a Maioridade... Eles sentirão na Pele por três vezes... Uma! Porque matou... Duas! Que por consequência tiveram seus ente queridos presos, mesmo inocentes... E três! Pagarão a Pena Total, não o complemento.
Mas se acharem absurdo, o que eu próprio considero uma “incoerência”; não custa neste Festival de Empreiteiras, e Empreendimentos: e Aceleração do Crescimento; até dos Insustentáveis, com, ou sem Propinas (se não me falha a Memória); que o Estado dê-se ao prazer de mandar construir Presídios para a Juventude na Menoridade, com tudo que lhes façam jus... Saúde, Educação, Segurança, e Marmitex.... Dá muito dinheiro isto meu! Principalmente se for Terceirizados... E principalmente se estiverem fadados a serem sempre reconstruídos... Pelo vandalismo peculiar aos presos... Por enquanto... Mas como possa despertar muito interesse... Não postei estes Sonetos finais, desta matéria.
Mas hoje!
Desastrolados pronunciaram-se assim:
Coisas que eu sei
Só para vocês
Sim! Eles devem assumir
Déficits de Memória
... Não resisti
E minhas Poesias Vivas... Riem


                                       Dr. Ademar Raimundo de Barros.

domingo, 3 de maio de 2015

Só para vocês

Só para vocês




Não só para você... Noteno
A Dona do Raio
No Ronco do Trovão
Que tão poucos, tão bem conhecem
Como poucos que não conhecem a fúria
Dos antagônicos da Liberdade
Mas uma coisa vos digo!
Pra mim valeu a pena
Lavei minh’alma
Pois o 1º de Maio
Não foi muito ruim
Alguém até que se lembrou das Enfermeiras
E uma delas; É... Afeita ás UTIs
Deus que te abençoe pois; minha Filha
Não é tão fácil se assumir  assim
Depois hão de lembrar daquelas lá do Interior
Onde a Lamparina é Vela... E a Vida é Linda
Pois o Divino Espírito Santo conversou o Senhor do Bom fim
Que nem perdeu a sua Santa Graça
Vão lá no Guaporé... E vejam
Nas Quilombolas... Festas
No Quilombo Maior... A exaltação de uma Raça mista
De grande maioria  Negra
E se um Negro; não vota em um Branco... Vota num Marrom... Gostou!
E não usam por arma... Pitbull... Sacou!
E nem têm por noção
O que venha a ser... O Gás Lacrimogênio
Nem o poder de fogo das Polícias
Nem dos Tanques Blindados... Nem dos “Lava a Jato”
Mesmo que sejam eleitores do PT da Santa que pariu
Ou do 'PSQT' das outras
O resto! Pouco importa
Ah! Como era bom o Reveion... Picança
Ah! Como era bom o 'forrozim'... Manduca
Doutor já tá demais!
Assim já é... Puxar pra “Gafieira”
Pode parar!
O Cabaré é fora
Não aqui na minha Casa
E a “Molecada” pra sacanear... Maduca! Olhe o outro ali!
Depois... Sonhar com as Cunhadas do Valdir
Como eu amava tanto a Pororoca
E a Potoca ria... “Quero ver!”
Mas bem longe do Karantino bêbado... Deus o tenha!
Posto que a Flora não iria gostar
De ver
Marido, e Amigo... Brigando pelas “reimosas”
Filhas do Pequeno Polegar
Sem ser aquele de Charles Perrout
Que inspirado num conto de um Pastor
Decidira abandonar as Filhas na Floresta
E um Ogro queria devorá-las
Mas elas conseguiram fugir... Nas Botas das Sete Léguas
E pior ainda... Faz-me rir
As coincidências ganham mais espaços
Afilhadas do seu, e nosso,
Grandessíssimo  amigo  Serafim... Deus também o tenha
Dr. Ademar... Lembrando-se de Outrora
De quando; Priscas... Eram as Eras
Não confundam com Aurora
Aurora era a outra
Que um Negrão roubou de mim na manha
Dizem que pros lados de Alvorada
Foi Nada!
Aquela Gata assanhada se mandou... Pras bandas de Rolim
Não foi Ibañnes?
Você que é daí... Conhece as Caras
E Júnior “Gringo”... Sorrir

                                                Dr. Ademar Raimundo de Barros.


Comentários do Autor: Para que ninguém possa dizer... Que só falei das Dores... Fugindo das Inutilidades dos “Inúteis”...  Dr. Ademar Raimundo de Barros.

terça-feira, 28 de abril de 2015

Coisas que eu sei

Coisas que eu sei


             A única coisa a parlamentar com o Chrome... É que eu não me curvo por pressões... Nem as Psicológicas... E pouco está me importando a baixa “Voltagem”... Pois conheço muito bem a Lógica dos Sistemas... E as Asas que voam nos Paradises... Mas não vou criticar a Política Ideológica de nenhum País... Critico as incoerências do meu... O que é compreensível num processo Democrático... Mesmo numa Democracia vazia, e repleta de Almas temerosas para a garantia do seus empregos, e das suas vantagens: indiferentes as Classes de menor poder aquisitivo... E os Poderes Paralelos que se apossaram da Sociedade de um modo Geral... Sou antipático? Sim! Mas não almejo nenhuma vantagem com minha antipatia... Mas respondo pelo que me posiciono... Mas respondo pelo vilipêndio dos meus Direitos: e se é, que eles ainda existam... Não abro nem para os “Deuses”, nem para os Däimons... E me coloco a disposição da Justiça do meu País para qualquer acareação que seja necessária... E justamente com ela... E sem...Sim Senhor! Sim Senhor! Sim Senhor! Ou! Sim! Senhora... Pois, erraram comigo... Vejam Ramehda I, II, e III.. Vejam... O que me diriam disto I II, e III... Vejam... Nos Arquivos da Lei I,II,e III...Vejam ... Entre Agravos e desagravos; e outras que denunciam a irresponsabilidade destes Poderes Paralelos, e dessas Oligarquias “subservientes”, e destas Autarquias sem Moral; e algo a mais... A luta de um homem comum pelos seus próprios Direitos... E me considerem antipáticos na largura de vossas arrogâncias... Dr. Ademar Raimundo de Barros... O refém; ou eterno Réu na dependência de vossas consciências; ou para adseterno ser... Refém de vossas sapiências indiscutíveis.
Ora Google! A boçalidade não respeita Anéis...  E a imbecilidade gosta de Redomas... Da mesma forma que a Hipocrisia não rir; somente encara... E pobre é a Tolerância, pois acredita nela... Mesmo consciente de que por dentro ela sorrir na sua própria Cara... Te manca meu! O que você me diria disto?
Era desejo da Falecida nada deixar para o apelante. E eu fiquei imaginando: ele conversou com os Mortos; e irá usar a Tese das Jurisprudências de Chico Xavier... Mas a Consistência da Prova baseou-se numa Declaração apócrifa; sem reconhecimento de Firma, sem autenticação Cartorial, tendo como Estado Civil... Separada. Separada nunca foi Estado Civil... E o pior de tudo: a autora morta; sem nenhuma condição de se questionar a falsificação da assinatura; quando do meu conhecimento; existia na Família; um exímio Falsificador com passagem na Polícia Federal do Estado da Paraíba; e beneficiado por um Atestado de “Loucura” com a rotulação PMD  Mania. Mania de roubar, mania de Grandeza, mania de falsificar, mania de enganar, mania de comer, mania de fingir, mania de mexer em qualquer questão Orçamentária; e inventariar o impossível, ou lotear o Mar: e inserir este Loteamento no Mercado Imobiliário. Talvez tenha vendido a algum Pastor, alguns Edifícios no Paraíso... No mesmo Condomínio de Deus... Na mesma Rua... Ou na próxima Casa localizada à Direita... À Esquerda não! Deus não quer ninguém no seu lado Esquerdo; senão vão dizer que ele é Comunista demais: mais do que todos os Comunistas... E aí a coisa aqui na Terra ficaria feia... E muito pior do que está ainda... E imaginem vocês... A coragem de quem venha supor... Tô Fora!
Ele é Médico! Consequentemente não precisa disto... E eu fiquei a imaginar... E se eu fosse Casado com uma Gary da Prefeitura de Chupinguaia... E daí... O que seria de mim perante o Direito Sucessório? A história é longa demais  Google Chrome! Daí não vejo razões em ver em branco algumas, ou todas Postagens efetuadas por mim nesta trajetória: quando não obstacular os acessos com descargas ‘Virais”: quando não; permitir nas Abas Laterais do meu Visor: contra informações supersticiosas, ou suspeitas de indignações Neo-Nazistas, como costumaz acontece... “Esqueçam Hitler”... Quando! Lembrá-lo! Seria uma afronta ao Mundo não só Ocidental, como Oriental, como no Oriente Médio... E eu nem era nascido quando tudo aconteceu... Nem fiz nenhum xingamento de fórum íntimo, ou de cunho Ideológico... Mas no momento atual (Hoje! Convenhamos) tenho de posse um Nada Consta do mesmo Conselho de Medicina que me denunciou no Artigo 147 do Código Penal Brasileiro; e quem denunciou... Desmoralizado... Nada não tramita, nem tramitou neste Conselho algo que desabone a Conduta Profissional do Dr. Ademar Raimundo de Barros... Quando in momento (quase Dez Anos após) posso exibir a sensatez de um Laudeamento em Conclusão... 1 – Mononeurite Múltipla sensitiva, primariamente axonal... 2 – Lesão focal dos Nervos Ulnares no seguimento do Cotovelo (Síndrome do Túnel Cubital) mielínica de moderada intensidade... 3 – Lesão focal do Nervo Fibular Direito na Cabeça da Fíbula, com lesão axonal de moderada intensidade, sem sinais de atividade.... Os achados descritos podem ser encontrados no contexto da Neuropatia associada à Hanseníase.
Mas a meninada adepta do Corporativismo sem sentido: já começou o festival de “discordância” que começa e termina; num Samba de uma Nota só, pois em data posterior veio este Soneto em Conclusão, e Comentários... Eletroneuromiografia revelando Sinais sugestivos de Polineuropatia sensitivo-motora de caráter misto (axonal e desmielinizante)... Potencial do Fibular esquerdo com amplitude reduzida... Demais potenciais sensitivos com latências limítrofes ou um pouco prolongadas... Redução de velocidade motora Tibial e Fibular bilateralmente... Ondas F com latências limítrofes... Não vou levar em consideração... Potenciais motores com amplitudes normais (contradição)... Exame com agulha sem anormalidades nos pontos musculares examinados (outra contradição)  e porquê! Porque no exame de agulha ou Monopolar: efetuado dias antes constata-se... Presença de atividade de inserção normal e silêncio elétrico em todos os músculos examinados em repouso... Presença de potenciais de desnervação crônica dos músculos Tibial Anterior e Peroneiro Longo Direito... Aí começam as discrepâncias, e só me resta uma saída... Perguntar... O Tensor da Fáscia Lata, é o mesmo músculo Longo Peroneiro? E ainda não posso dizer... Em quem eu vou acreditar na Medicina! Pois só uma coias me enlouquece... Que é aquilo que meu Coração não quis... Contradições! Contradições! Contradições! Mesmo Dez Anos depois...Mas um dia “hei” de ouvir do próprio Supremo... Nós fomos enganados por informações falsas dos vossos próprios amigos, e dos nossos; ao longo deste vasto caminho do tráfico de influências... E do Corporativismo pertinaz... E tem mais... Você jamais deveria ter sido Demitido... E tem mais... Jamais deveriam ter desconsiderado as suas rotulações... Tuberculose Pulmonar, e Hanseníase...
Mas tudo isto me faz lembrar
O Médico
O Alexandre Magno
O “Leite” do Carvalho... Olhem bem
O ingrato porre!
Com seus conceitos em Hunt Hest
Suas convicções em Glasgow
O que não me ilude
Para manter em prática,
Obsoletos Testes
De Semmes Weinstein
Na mensuração de incapacidades;
E arrogante me disse:
Ademar!
Jamais você será o mesmo homem
Mas não consigo conceder
Atestações que vinculem
O Mal de Hansen,e  Polineurites
Polineurites... E Tuberculose
Pois é muito comum por aqui
Pedir o que me pedes
Quando o destino da medicação que se recebe
Eu conheço bem...
O Ralo do Banheiro
Ou o Vaso Sanitário... Entendeu!
Santa imbecilidade em Dedo em ríspide
E Fisionomia sorumbática
E eu humilde
Com Família, e Filhos
Ciente da gravidade das Doenças
E consciente da Transmissibilidade
E dos Direitos previstos nas Legislações
E constante no Código Tributário
E a minha Mulher por testemunha
E eu ensimesmado... “Morto” de vergonha
Este é o Médico
“Espelho” transcrito... Em Livro de Rubem Alves
Sem Mais... E desculpem-me pelas minhas razões.

                    Dr. Ademar Raimundo de Barros.


segunda-feira, 27 de abril de 2015

Dos Píncaros da Glória

 Dos Píncaros da Glória


Apronto-me...
Bem longe de Pacaraima
E glória a Deus nas alturas
E aqui na Terra... Aos Homens de “boa vontade”
Mas é preciso dimensionar o tamanho do “Furo”
E a extensão da Loucura
Se ela é Compulsiva
Se... Seja Mania
Mas para minha decepção
Esconderam os fatos
Quando prometeram a divulgação de tantos
E não só a identificação
Da Capital Campeã
Da corrupção Edil... Do Brasil
Boa Vista
Rio Branco não!
Rio Branco era dos Idos de “Chico Território”
Das Eras; De... Fernando de Noronha
Quando ninguém sonhava... Diamantes
Nem conhecia quem era
O tal Barão
Daí se admitiu chamar... Roraima
Meu Irmão!
Não só em homenagem ao Monte
Que lhe cedera Status Social
Que sustentou Impérios
Mas para,
Reverenciar as vizinhanças
Tomou por nome
Um nome quase Inglês... Morou!
Quando seria mais Tupi... Ramiraô
Sacou!
Yamará, ou mais Amazonense;
Como... Rapozas da Terra do Sol
Seria melhor que fosse... Acetábulo
Onde a Pelvis descansa, e abre-se o Ventre
Aí! Os Vereadores superfaturam tudo
Que seus Salários chegam; A... Cem Mil!
Segundo... A Globo
E eu nem falei... Na “Coroa Real”
E eu nem falei das... Cúpulas
Mas omitiram a divulgação dos outros escândalos
Do Planalto Central
Do Norte, e do Sul,
Do Nordeste, Leste , e Sudeste;
Do Centro Oeste
Noroeste
E das outras minúsculas cidades do “Zezeu”
Por Deus!
Que até Jaboti... Agora! Estrela do Norte de Rondônia
Agradeceu sim!
Agradeceu!
E o que foi prometido... Não foi fiel
Que valha só falar da Capital?
De um Estado só...
Espelho! Espelho meu!
Existe um Maluco assim...
Mas Louco do que eu?
Continuo depois... Dependendo das condições
Mas se estas condições foram minimizadas
Digamos
Viraram arquivos
E sem comprovação não!
Não falo nada... Pois Macaco bom, ô! Meu
Não mete a Mão em Cumbica
E tudo tem que ser datado,
Registrado,
Carimbado,
Assinado,
E custe o que custar
Pois se não for assim meu Filho... É “Fria”!

Comentários do Autor: Não vejo muita coisa a comentar: por que o que foi a Público, não é nenhuma novidade pra ninguém; desde as Eras de Dom Pedro “Cipó-Pau”, e aqui pra nós! Ficou melhor assim. Eu esperava mais do Fantástico Show da Vida; mas em resumo serviu: e se for verdade o fato divulgado; e eu pertencesse a Edilidade de Boa Vista; e eu houvesse sido citado como agregado do Rolo: a minha defesa iria consistir no uso devido do protelatório,e é muito fácil... Digamos! A exigência formal de investigações em todos Municípios do Estado... Não satisfeito, eu iria formalmente solicitar a investigação, e divulgação de irregularidades nos Municípios deste País; e somente depois: eu iria exigir as mesmas averiguações nas principais Capitais: mas com certeza eu iria relembrar um Radialista Esportivo da minha infância... E o Relógio marca... Quarenta e Sete Minutos do Primeiro Tempo... E o Tempo passa! Zero a Zero é o placar na Suécia... Lento... Pausado... E preciso... Parecia nem ter emoção... Era o seu jeito... Frio... Calculado... Tudo nos mínimos detalhes como na Justiça Desportiva; e o Juiz já estava acostumado com tudo, e já entrava em Campo com os Bandeirinhas do seu lado; eram as autoridades máximas do Jogo; e até ali sabia-se que existiam Malas “Pretas”.
Vocês podem se dar por Felizes
Pior sobrou para este
Atropelado por decisões ridículas
Dos Conselhos Médicos
Das Câmaras da Justiça
De todas as Instâncias
Até de um Conselho de Justificativa e Disciplina... Que fugi
Por que notei na Hora
Por que eu li nas Caras
Que a decisão já era antecipada... Contra mim
Inclusive depois
Em outras causas
Por unanimidade apócrifa do Supremo
Por uma falácia imprópria
Quando o mesmo Supremo que deu-me a causa ganha
No Agravo da causa dá-me uma recusa
Por falta de Combatividade Advocatícia
Não de minha parte
A não ser que o Poder possa fazer
Do Direito... Fatias, ou Barganhas,
E ganhem quem mais puder
E lixe-se... Um homem comum.
E eu aqui em minha Casa
Cumprindo Prisão Domiciliar não decretada
Subjúdice a todo tipo de censuras
Mas sem essas Algemas “Afrescalhadas”...
Pulseirinhas Eletrônicas colocadas nas Canelas
Adereços!
Que não serviram de nada
A não ser... Para ridicularizar o já ridicularizado
A própria aplicação da Terna Pena
E decidida por quem
Postula os preceitos da infalibilidade assumida
Em Resumos de Súmulas... E só;
É quando o Veto sacode a Cabeleira
E o Cabra Tonto esperneia
Um Olho Cego Vageia... Procurando por um
Claro!
Para festejar a “Glória”
Como bem dizia minha Avó... No seu Bendito Rosário de Santo Antônio

Dr. Ademar Raimundo de Barros...